Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2018

Mucocele biliar

Chamamos de mucocele o acúmulo de conteúdo, predominantemente mucoso, em alguma cavidade. A composição da palavra vem dos termos muco + cele (cavidade). 
A mucocele biliar se dá quando o fluxo de bile para fora da vesícula fica comprometido ou interrompido por algum motivo. 
Como a bile está sempre sendo produzida pelo fígado e armazenada na vesícula, se ela não conseguir expelir seu conteúdo, ela começará a ficar cada vez mais cheia. 
Muitas vezes no começo da afecção, nada fica evidente do paciente. Porém, depois de alguns dias, o paciente pode começar a apresentar náusea, vômito, diarreia, inapetência, hipo ou anorexia, ictericia, dor abdominal. 
A bile tem como função principal o auxílio na digestão de alimentos gordurosos, logo, se ela fica presa por muito tempo na vesícula, ela pode começar a “comer” a parede, levando à necrose e ao emergente risco de ruptura. 
É aqui que temos a mucocele. Uma afecção perigoso e perniciosa. Caso haja ruptura da vesícula biliar, a bile solta na cavida…