segunda-feira, 19 de julho de 2010

Estômago pouco repleto de um gato


A imagem de um estômago pouco repleto é bastante característica devido à plicatura da parede, que só desaparece quando o órgão está completamente distendido por alimentos ou gases. É importante estar atento a esse plissamente da parede, pois pode haver uma confusão com sinais de corpo estranho linear, especialmente em gatos domésticos que têm costume de brincar com fios. A atenção à anatomia e  ao posicionamento do transdutor ajudarão a sanar possíveis dúvidas durante o exame.

2 comentários:

  1. Doutora Fernanda, meu gato está a dias sem comer, fez exames e deu uma inflamação que o veterinário achou ser na coluna. Tomou antiinflamatórios e 5 injeções de antibótico. Tomou também medicamentos via oral. Segundo o veterinário a dor nas costas sumiu, mas ele ainda estava sem comer. Deixei ele internado e tomou soro por um dia, ao chegar em casa comeu muito frango desfiado. Ainda não fez cocô desde que comeu ( terça), ontem também comeu 1 pires de frango desfiado. Ficou em jejum por 12 horas e foi agora pouco fazer ultrasson de novo. A ultra apareceu assim, igual a essa. O médico quer abrir ele pra ver o que é. Deixou ou não? Grata pelo auxilio.
    alessandra@agataeomouse.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Alessandra,

      Obrigada pelo seu contato.

      Eu não estou perto do seu gatinho para conseguir opinar com segurança sobre o caso. Até porque não acompanho clinicamente como está se desenvolvendo realmente a situação, mas o chamado "ileus ou íleo paralítico" é quando uma parte ou todo o sistema gastrointestinal paralisa e não progride o conteúdo alimentar/fecal. Isso pode acontecer devido à gastroenterite (inflamação do estômago e dos intestinos) e outros fatores.

      Recomendo uma conversa franca com seu médico veterinário para expor suas aflições.

      Boa sorte!

      Excluir