sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Hidronefrose severa em ambos os rins de um felino


Essas imagens vieram de um paciente com apenas dois anos de idade, diagnosticado clinicamente como insuficiente renal crônico. Seu histórico era um pouco obscuro, porém, os exames laboratoriais de análise sangüínea e urinária eram claros quanto à uma grave alteração no funcionamento renal.

O que se observou durante o exame de ultrassonografia foram rins com alterações típicas de hidronefrose. Tamanho geral anatômico, porém perda da arquitetura interna, aumento severo da pelve, estreitamento da camada cortical, deformação do formato externo fisiológico. A hidronefrose pode ter várias causas, dentre as principais estão a obstrução do(s) ureter(es) e a insuficiência/falência renal. No primeiro caso, a hidronefrose deve-se ao próprio processo obstrutivo, que impede a eliminação da urina para a bexiga; no caso de insuficiência/falência renal, o funcionamento dos rins está comprometido ou até nulo, por isso, o acúmulo de líquido - muitas vezes não filtrado - acaba por se formar.

Quando um animal está sob fluidoterapia intensa, espera-se um aumento da pelve renal, porém, este paciente recebia fluido subcutâneo duas vezes ao dia, não justificando tal quadro. A mera dilatação pélvica não provoca alterações estruturais tão graves quanto as observadas nesse caso.

Posteriormente constatou-se que o paciente também era portador de insuficiência cardíaca, o que provavelmente era a causa base de sua insuficiência renal.

2 comentários:

  1. Olá, acho que uma das imagens mais bonitas da US são os rins, também pela facilidade de reconhecimento dessa estrutura, um abraço.

    ResponderExcluir
  2. Oi Nando,
    Obrigada por sua visita e por comentar um dos posts. Realmente acho os rins lindíssimos e muito fáceis de reconhecer! Creio que vários ultrassonografistas e leigos partilham dessa mesma opinião!
    Abraços,

    ResponderExcluir