quarta-feira, 23 de março de 2011

Possível corpo estranho em estômago de uma cadela





Apesar de comum em cães, corpos estranhos nem sempre são facilmente identificáveis. O histórico de ingestão de objetos e a idade do animal devem ser considerados todas as vezes em que o clínico levantar essa suspeita. Cães com mais de um ano e meio de idade, não costumam ingerir tudo o que vêem pela frente e a causa mais provável de processo obstrutivo é uma intussucepção, megacólon ou neoplasias abdominais. 

O material do corpo estranho muitas vezes dificulta sua visualização, pois nem sempre se tem algo evidentemente hiperecóico ou produtor de sombra acústica como é de se esperar. Nesse caso, minha maior suspeita foi de que se tratesse de algo de pano, como uma camiseta, um pano de chão, uma roupa íntima (...).  Observe que esse material anormal produz uma obstrução que deixa muito líquido anterior a ele, tem ecogenicidade difusa como a encontrada em parênquimas ou paredes organulares e deixa pouco gás em sua superfície mais abdominal (paciente em decúbito dorsal). 

Após a cirurgia de extração do corpo estranho, constatou-se que a paciente havia ingerido uma cueca. 

2 comentários:

  1. oi fernanda , achei muito boa sua leitura da obstrução , estou começando em diag por imagem , por isso olho sempre seu blog para tirar duvidas, paRABENS , se tiver mais material para eu olhar me fale , obrigado jose antonio - vet - caldas novas - goias

    ResponderExcluir
  2. que ótimo josé antônio! espero que eu possa sempre ajudar!
    abraços e boa sorte!

    ResponderExcluir