domingo, 15 de maio de 2011

Aumento evidente da espessura parietal das alças intestinais de um felino




As doenças intestinais são comumente encontradas em felinos domésticos. Alguns autores acreditam se tratar de alterações provenientes dos hábitos alimentares impostos pelos proprietários modernos ao seus gatos, enquanto outros crêem se tratar de mudanças nos métodos diagnósticos, agora mais modernos e precisos que aumentariam a frequência de detecção das doenças. 

Normalmente preconiza-se que há uma diferença macroscópica e imaginológica entre as duas alterações intestinais mais comuns encontradas em felinos: a doença intestinal crônica e/ou idiopática e o linfoma intestinal. Na rotina da Clínica Veterinária Mania de Gato, em Curitiba (PR), Brasil, especializada e exclusiva no atendimentos de gatos, tem-se observado que apesar de estudos de ultrassonografia veterinária indicarem que o linfoma intestinal vem acompanhado de perda de estratificação parietal, a grande maioria dos casos em que há apenas espessamento intestinal e estratificação preservada que são submetidos à avaliação histopatológica mostra-se positiva para linfoma. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário