segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Líquido livre em cavidade abdominal




Muitas vezes o ultrassonografista se depara com líquido livre abdominal. Normalmente este é um motivo de grande preocupação clínica, pois pode representar várias afecções diferentes, inclusive as de ordem sistêmica.

Quando observado em cães, pode-se pensar em neoplasia abdominal, hipoproteinemia, peritonite, perfuração de órgãos quando há suspeita de corpo estranho, rompimento de bexiga, vasos ou órgãos parenquimatosos altamente irrigados como fígado e baço, afecções cardíacas, shunt portohepático, dentre outros.

Em gatos, as suspeitas recaem comumente em peritonite infecciosa felina (PIF), mas também podem representar as mesmas alterações dos cães. 

Gatos e cães altamente parasitados por ecto e endoparasitas cronicamente podem apresentar hipoproteinemia.

Uma centese ecoguiada desse líquido pode ser muito importante para o diagnóstico diferencial. Para isso, basta posicionar o paciente cooperativo em decúbito dorsal, encontrar a linha alba com o transdutor e localizar uma região afastada da bexiga urinária e de outros órgãos e grandes vasos e aspirar o líquido com uma agulha fina de comprimento compatível com a espessura do subcutâneo do paciente. 

Muitas vezes a presença de líquido não é tão evidente como nesse paciente e um ponto onde ele costuma localizar-se quando em pequena quantidade é aquela dorsal aos lobos hepáticos direito (quando o paciente está em decúbito dorsal) ou a região de "fundo de saco" (caudal à bexiga, em região pélvica). 


6 comentários:

  1. A minha gatinha tem esse liquido na barriga e não conseguimos elimina-lo,a nossa veterinária diz que é por causa da anemia a qual não conseguimos reverter nem com transfusão de sangue.

    E que posso fazer pra aliviar ela, com coisas caseiras?

    Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,

      Obrigada por sua visita e comentário. Muito bom saber de sua preocupação com a sua gatinha.

      Primeiramente, se sua gata tem líquido livre abdominal devido à anemia, é importante pesquisar a causa da anemia, para que o tratamento dessa possa ser feito. A transfusão é apenas uma ação emergencial para os casos urgentes, não irá corrigir o problema na sua raiz. É importante também testá-la para causas de anemia infecciosa crônica como FelV (Feline leukemia Virus), linfoma medular, PIF (Peritonite Infecciosa Felina), anemia hemolítica auto-imune e outras, especialmente se a sua gatinha tem vida livre e/ou não é castrada e dá passeios na rua.

      Infelizmente não há nenhuma medida caseira que possa ser tomada para aliviar o problema dela enquanto a causa da anemia não for descoberta e corrigida. Sabendo do que se trata, é possível descobrir terapias alternativas que podem atuar como coadjuvantes no tratamento tradicional.

      Boa sorte!

      Excluir
  2. Boa tarde essa doença q é diagonesticada ausencia de liquido em cavidade abdominal só da em animais ou tb um ser humano tb é diagonisticada . e o que é istoo poderia me exclarecer melhor o motivo dessa doença ?? . estarei aguardando a sua resposta .obrigada , lia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lia,

      Obrigada pela sua visita e comentário com interesse no assunto.

      Então, seres humanos também podem ser diagnosticados com líquido livre na cavidade abdominal que pode ter as mesmas causas daquelas em animais. A diferença é que usualmente em seres humanos os tratamentos são diferentes por humanos serem capazes de transmitir seu desconforto oralmente. Particularmente já tive líquido livre abdominal e senti muita dor, por isso é importante um cuidado muito específico com os animais que apresentam essa alteração. As principais causas estão no post que fiz acima, se por um acaso você tiver alguma dúvida específica sobre seu animal de estimação ou sobre você mesma, recomendo que procure um médico veterinário ou um médico o quanto antes, só eles podem diagnosticar a causa dessa alteração e instituir o tratamento mais adequado.

      Abraços,

      Excluir
  3. Olá, tenho uma cachorra boxer de 4 anos, ela está internada a 15 dias tomando soro todo dia, ela esta sendo tratada por erliquiose e ontem de manhã recebeu uma transfusão de 550ml, então a tarde fui visitar ela e notei que ela estava com a barriga meio inchada, parece estufada..é abaixo das costelas, porque ela emagreceu muito então nota-se que ela inchou a barriga, eu estou tentando prestar atenção em tudo...e o Dr. disse que está tudo normal, mas ele não fez ultrasson nenhuma ainda, aí hoje vi ela novamente e ainda esta com a barriga igual, o olhar dela está mais esperto agora, fiquei muito feliz e animada em ver ela assim, mas quanto a barriga, eu estou pensativa, será que isso é normal devido ao soro talvez? eu estou muito preocupada e o Dr. não me dá explicações, não sei oq fazer, pode me ajudar por favor em me dizer ao menos alguma coisa? preciso de uma luz, por favor...
    obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Obrigada pela sua participação!
      A hipoproteinemia causada pelos hemoparasitas pode provocar extravasamento de líquido para a cavidade abdominal e aumento do baço, sinais que podem causar "inchaço" da barriga. Recomend que converse com o clínico responsável pelo caso e solicite a realização de uma ultrassonografia abdominal exploratória.

      Abraços

      Excluir